Mudou!

O Redação do Esporte mudou de hospedagem! Acesse nosso conteúdo atualizado em: www.redacaoesporte.com.br

quinta-feira, 8 de maio de 2014

Comentário da Redação > Tem que voltar para São Paulo a pé

“E agora Kleina?
O jogo acabou,
o Sampaio Corrêa virou,
você se complicou,
a torcida se revoltou,
e agora, Kleina?”.


Torcedor palmeirense: é com a paródia do poema de Drummond que eu começo mais uma vez tentar explicar o inexplicável. Ih, peraí, parece o início do post anterior não é verdade? Não é por falta de criatividade e sim pela falta de paciência.

Parecia que as coisas iam começar voltar aos eixos. Na escalação, nosso treinador tirou o “chama gol” Bruno e colocou Fábio Pegorari e o cara é realmente predestinado com o nome: conseguiu pegar tudo até quando pôde, depois sentiu cansaço e pela ruindade da nossa zaga não teve culpa nos dois gols do Sampaio Correa: 2 a 1.

E por falar em gols maranhenses, na história entre Palmeiras contra o time da terra do Sarney, jamais o Alviverde havia sofrido um mísero gol sequer. Foram três duelos com três vitórias paulistas, mas como a fase não é boa e sempre tem uma primeira vez para tudo, ontem aconteceu.

A teimosia continuou com o tal do Josimar (que parece nome de peão de fazenda) no meio-campo e a surpresa foi a entrada do volante Renato (esse foi bem) no lugar do perdido Serginho, com isso Wesley jogou mais avançado e apareceu mais.

É, mas o jogo foi feio. Mas bem feio. Mais feio do que o gramado do Castelão maranhense, castigado pela chuva que caiu em São Luiz nos últimos dias e que impediu o treinamento do Verdão. Era o Sampaio Corrêa impondo volume de jogo de um lado, era o Palmeiras errando passe de 10cm de outro. Simplesmente modorrento. Fiz o seguinte: fui à cozinha, preparei um aperitivo e voltei. Cadê que o jogo melhorou? P%##@ nenhuma.

Depois de tentar fazer alguma vítima e não conseguir, Kleina sacou Josimar e colocou o parceiro de DM do Valdivia, Diogo, em ação e os paulistas começaram melhor. O jogo como todo melhorou. Arlindo Maracanã acertou um foguetaço e Fábio espalmou. No lado paulista Henrique fez o seu e um CHUPA KARDEC! (Brincadeira).

Depois de Fábio fazer mais algumas defesas, veio um apagão de cinco minutos na defesa palmeirense e a ‘Bolívia Querida’ conseguiu a virada com dois jogadores que parecem nomes de dupla caipira: Edimar & Edgar.

A coisa ficou feia e a corda no pescoço do treinador já está bem apertada. Será que o Sampaio Corrêa vai entrar no seleto grupo dos times pequenos que nos deram vexame? Lá já estão: Ceará; Inter de Limeira; ASA; Santo André; Paulista; Ituano... vish, a lista já não é mais tão seleta.

Depois de apresentar um futebolzinho de Série C contra um time que disputa a segunda divisão, se eu fosse a diretoria alviverde daria somente um castigo: tem que voltar para São Paulo a pé para aprender!

Conceitos

Fábio - MELHOR DO QUE O BRUNO: Fez grandes defesas e com o sobrenome que tem é predestinado: Pegorari. Atualmente, até um boneco do posto com aquelas mãos para cima é melhor do que o Bruno.
Wendel - MAPA DA MINA: Os dois gols saíram no seu setor. Diretoria, vamos acordar, com Wendel na lateral, tá ruim de aguentar. Ih, rimou!
Lúcio - IRRECONHECÍVEL: Falhou no lance do primeiro gol quando só marcou a bola e deu muito espaço para o time da casa contra-atacar. Quando o verdadeiro Lúcio aparecer, nos avise.
Marcelo Oliveira - TRAPALHÃO: Poderia integrar o elenco dos “Trapalhões”. Foi muito estabanado em alguns lances e ficou estático na hora do primeiro gol.
Juninho - FÃ DO PAULO RICARDO: Preferiu pegar autógrafo e ouvir “Olhar 43”, “Revoluções por Minuto”, “Alvorada Voraz” e outros sucessos do RPM do que jogar bola. O Paulo Ricardo (jogador do Sampaio Corrêa) deitou e rolou pelo lado direito.
Renato - REGULAR: Cometeu algumas faltas bobas, mas no resto não comprometeu.
Josimar - NÃO BATEU: Por não fazer vítimas durante o primeiro tempo, foi sacado. As canelas adversárias agradeceram.
(Diogo) - SENTIU SAUDADES DO VALDIVIA: Sem um companheiro de DM para trocar uma ideia, o atacante entrou, mas pouco foi notado.
Wesley - SE SALVOU: O único nos últimos tempos que vem se salvando. Mais avançado e participativo, tentou arriscar apenas de longe.
Mendieta - DESPERTADOR JÁ!: Entrou em campo de pijama, pantufa, gorro e sem despertador. Muita lentidão, mas quando acordou acabou dando o passe para o gol alviverde.
Leandro - MAIS OU MENOS, MAIS OU MENOS: Foi mais participativo que nos demais jogos.
(Serginho) - SEM CONCEITO: Pelo calor de São Luís suou a camisa, mas não fez p#%&@ nenhuma
Henrique - CHUPA KARDEC: Essa é brincadeira. Podem me internar. Dois jogos e dois gols, é preciso avaliar mais partidas para não fazer uma piada dessas. Na sua primeira chance clara, deixou o seu. Faro de gol pelo menos tem...
(Mazinho) - SEM CONCEITO: os mesmos motivos do conceito do Serginho.
Tec. Gilson Kleina - MEDROSO: Colocou a melhor formação no segundo tempo. Acertou quando trocou os goleiros, até aí tudo bem, mas o esquema com três atacantes contra uma equipe inferior era o esquema ideal, mesmo atuando fora de casa e com a zica que o time vem tendo. Acho que o seu ‘reinado’ está chegando ao fim


PALMEIRAS MINHA VIDA É VOCÊ! Curta a página oficial do torcedor palmeirense no Facebook: www.facebook.com/palmeirasminhavidavoce10


_____________________________________


* ÓTIMO, BOM, REGULAR, RUIM ou PÉSSIMO? No Comentário da Redação, você fica sabendo o que rolou nos principais jogos da rodada, incluindo análises individuais dos atletas.

por Antonio Lemos | www.paponaarquibancada.blogspot.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário